Jericó é só o começo

Josué 6

Em Josué 6 encontra-se uma história que todos gostam de ouvir: a queda dos muros de Jericó. Eu também gosto muito dessa passagem. É fato que, se não vamos sair por aí literalmente derrubando muralhas e conquistando cidades, espiritualmente parece que temos muitas muralhas diante de nós, e tenho certeza de que muitos podem testemunhar de muros que caíram em suas vidas pelo poder do Senhor.

A queda de Jericó ensinou ao povo que Deus faria grandes coisas através deles. Até então, os milagres tinham vindo através de Moisés, sem a participação de mais ninguém. Ali foi diferente: todo o povo foi parte do grande mover de Deus, Ele usou a cada um.

Jericó não tinha nada a oferecer a eles. Ninguém ficou morando na cidade. Arrasaram com ela, mataram todos os seus moradores e foram embora. Até hoje não há judeus habitando ali. Mas, Jericó ensinou ao povo sobre obediência ao Senhor. E por fim, Jericó foi o início de uma conquista muito maior, foi o pontapé inicial de uma guerra para conquistar a Terra Prometida.

Nossa Terra Prometida é o céu, e nossa batalha é para que o Amor de Deus seja conhecido por todos. Se consideramos que o Velho Testamento é a sombra do Novo, posso dizer sem medo que da mesma maneira que ao invadir um território o exército de Israel devia matar a todos – homens, mulheres, crianças e idosos – hoje nosso papel é o oposto: levar salvação a todos.
Derrube as suas muralhas e não desanime, Deus tem um plano muito maior na sua vida!

Por Clarice Ziller.

 

TwitterFacebookEmailPrintShare

1 comentário

  • Antonio Carlos Pereira de Moraes disse:

    É verdade, as muralhas são nossos oponentes, mas precisamos saber nos defender dos ataques do inimigo; a ocasião e as circunstâncias em que ele aparece não são reveladas aos nossos olhos físicos, porém ao que crer e obedecer toda autoridade e poder lhe é dado em nome de Jesus, sendo assim nenhum mal afligirá àqueles que estão revestidos com Poder do Espírito Santo. Grande em conselhos e magnífico em obras; porque os teus olhos estão abertos sobre todos os caminhos dos homens, para dar a cada um segundo o seu proceder, segundo o fruto das suas obras (JR 32:19)

Deixe seu comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>