O DESAFIO DO MINISTERIO PASTORAL

Moisés contava com 80 anos quando foi desafiado por Deus, no cume do Monte Sinai, a iniciar um novo ministério. Imagine-o com o seu cajado de pastor de ovelhas nas mãos e, em pleno deserto, recordando a sua vida no Egito no palácio de Faraó, com todas as regalias, mas também com a lembrança dos gemidos de seus compatriotas hebreus, sob o guante dos seus algozes feitores. Um verdadeiro turbilhão gravitava em torno de sua mente fértil e privilegiada.

Moisés, o pastor de ovelhas, contemplava absorto a vastidão do deserto, a grandiosidade do Sinai e todo o orbe que o rodeava quando o Criador do Universo resolve lhe aparecer, bem a sua frente, de maneira inusitada, nunca visto antes. O modo invulgar de Deus se apresentar, crepitando numa sarça sem que ela se desfizesse, o levou a aproximar-se daquele arbusto para certificar-se do que se tratava. Jamais passaria pela sua mente que o Deus de seus pais estivesse querendo comissioná-lo a uma nova incumbência. Não obstante a sua idade, Moisés sai de Mídiã, com a cabeça erguida e o coração determinado a cumprir outra etapa de sua vida em dimensão elevada à enésima potência: libertar o povo de Deus do jugo egípcio. Na força do Senhor, partiu para aquela empreitada de tudo ou nada, “vendo o invisível, crendo no incrível para realizar o que parecia impossível”…

O Deus que o chamou o proveu dos meios necessários para cumprir a tarefa. Tinha, porém, Arão como seu profeta, o cajado como sua ferramenta, a fé como seu sustentáculo, a coragem como sua determinação, a obediência como sua segurança e a humildade como a sua força. Munido dessa provisão, Moisés enfrenta o rei do Egito, o Mar Vermelho, o deserto, as intempéries e os reveses, saindo mais que vencedor durante 40 anos da sua extraordinária existência de 120 longos e abençoados anos!

Agora, estou eu aqui, resguardando as devidas proporções, bem perto de 75 anos de idade, mas, apesar das vicissitudes, intempéries e adversidades pelas quais tenho passado, fui desafiado, juntamente com minha esposa, Sarinha, a encararmos um novo ministério, que é o de integrar a equipe pastoral do Núcleo da Fé. Comunidade avivada, cheia da Graça de Deus, na cidade do Núcleo Bandeirante-DF, onde eu e minha esposa estamos felizes servindo na área da Educação Religiosa, Educação Musical e curso de hebraico. Fomos salvos para servir e incomoda-nos muito ficar inativos como “bons velhinhos”, alisando bancos de Igreja. Dizemos pois como o Apóstolo Paulo: “Assim, quanto está em mim, estou pronto para também vos anunciar o Evangelho…” Rm. 1.15

Em 9 de junho, comemoramos o Dia do Pastor. Estamos felizes. É o nosso dia, bem como de todos os meus colegas, não obstante ter mais de 50 anos de ministério, eu começaria tudo de novo, se preciso fosse. Deus vos abençoe.

Estamos a disposição para cumprir o chamado de Deus.

Um grande abraço,

Prs. Darci e Sarah.

Conheça o trabalho ministerial desenvolvido por Darci e Sarah no Sertão. Acesse: www.ministeriosarshalom.com

Entre em contato com os pastores: prs.darci.sarah@nucleodafe.com.br

TwitterFacebookEmailPrintShare

Deixe seu comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>