A maior vitamina

Todo pastor responsável e consciente almeja de todo coração que sua igreja cresça numérica, espiritual, social e materialmente. Inventam-se um sem numero de métodos e articulações visando estes objetivos. Se fossemos numerar o que se faz por aí, creio que encheríamos algumas páginas. Não tiro a razão dos líderes que se reocupam com tais artifícios.

Sou pastor também e o desejo verdadeiro do pastor sincero é que sua igreja “cresça e apareça”. Que mal há nisso? Nenhum. É natural que todo corpo cresça. Que seja um crescimento bem equilibrado, ajustado e que seja horizontal e verticalmente. Não podemos nos esquecer de que a igreja é o corpo místico de Cristo aqui na terra. Jamais podemos pensar em crescimento usando métodos empresariais. Igreja não é empresa. Embora tenha que cumprir obrigações sociais com funcionários, obreiros e a sociedade em geral, ela é uma entidade espiritual e jamais devemos nos esquecer disto. Mesmo que pensemos em mil e uma estratégias para atingir os fins, a  principal arma para uma igreja crescer chama-se oração. A história do Cristianismo através dos séculos está cheia de exemplos de povos que oraram e receberam de Deus o crescimento almejado. Ao estarem cheios do Espírito Santo, o testemunho foi fácil e a ação divina foi evidente. O povo que quer verdadeiro crescimento em número, e em conhecimento da verdade e maturidade espiritual deve orar, orar e orar. Quando falamos em oração pensamos em oração como estilo de vida. Quer seja no templo, em casa, nos grupos, no trabalho, na rua, no carro, no campo, na cidade, onde quer que esteja. Desde a criança ao mais velho ancião o sentimento deve ser o mesmo. No conceito de oração como arma precisamos usá-la para detonar todo império do mal. A Palavra nos afirma “clama a mim e anunciar-te-ei coisas grandes e firmes que não sabes” Jr 33.3.

Author: NúcleodaFé

Share This Post On

Submit a Comment

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>